Português Italian English Spanish

VACINAS COMPRADAS POR HILDON CHAVES FORAM SUSPENSAS POR 15 PAISES EUROPEUS.

VACINAS COMPRADAS POR HILDON CHAVES FORAM SUSPENSAS POR 15 PAISES EUROPEUS.


O prefeito de Porto Velho, capital de Rondônia pelo PSDB, Hildon Chaves anunciou na manhã dessa sexta-feira, 12 de março, a compra pela prefeitura de 400 mil doses da vacina AstraZeneca. Diversos países da Europa anunciaram que estão suspendendo a vacinação em seus países da vacina que Hildon comprou para vacinar os portovelhenses. Dinamarca, Itália, Noruega, Alemanha e França, emitiram nota informando que há diversas problemas graves de saúde verificados após a vacinação em massa.

Prefeito de Porto Velho/RO, Hildon Chaves anunciando a compra das vacinas AztraZeneca.

Pelo menos onze países europeus interromperam temporariamente o uso das vacinas da Oxford/AstraZeneca, até esta quinta-feira. Em causa estão relatos de formação de coágulos sanguíneos em pessoas vacinadas com um lote específico da vacina, mas a Agência Europeia do Medicamento (EMA), que vai investigar o assunto, diz que até ao momento não há indicação que a vacina possa ser a causa dos problemas verificados.

Alemanha, França e Itália anunciaram nessa segunda-feira, 15 que estão suspendendo a vacinação da marca AztraZeneca 

Segundo a Agência Nacional de Saúde da Dinamarca, a suspensão se dá, "depois dos informes de casos graves de formação de coágulos de sangue em pessoas que foram vacinadas com a vacina contra covid-19 da AstraZeneca", anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, "por enquanto, não se pode concluir que tenha uma relação entre a vacina e os coágulos de sangue".

Até casos de trombose já foram detectadas após a aplicação da vacina.

A Áustria já tinha anunciado no domingo a retirada, por precaução, de um lote da vacina por parte do regulador nacional de medicamentos do país. O motivo foi o facto de uma enfermeira ter morrido de trombose múltipla (formação de coágulos de sangue dentro dos vasos sanguíneos) dez dias após a vacina, e de um segundo doente ter sido diagnosticado com embolia pulmonar (obstrução da artéria pulmonar ou de um dos seus ramos por um coágulo sanguíneo ou por outro êmbolo), mas está a recuperar.

O jornal The Guardian avançou, na madrugada desta quinta-feira, que quatro outros países – Estónia, Lituânia, Luxemburgo, Letónia –suspenderam o uso do lote da vacina, para dar tempo ao Comité de Avaliação de Risco de Farmacovigilância, da EMA, de conduzir uma investigação para avaliar a qualidade do lote. Entretanto, a Dinamarca e Itália que estão a usar o mesmo lote e a Noruega (que não terá recebido este lote em específico) e Islândia também já interromperam o uso destas vacinas.

Portugal e Espanha também suspenderam nessa segunda-feira (15).

Não foi possível perceber se os países tinham vacinas da AstraZeneca de outros lotes e se as continuam a usar.

 

ATENÇÃO: As informações colhidas para esse editorial foram obtidas em sites de notícias da Europa como Observatório Português, BBC London, CNN Portugal e UOL.

 69992710548
 jornalistavictoriabacon
 jornalistavictoriabacon
© 2020 Victoria Bacon (Jornalista)